sábado, 23 de junho de 2018

Fortaleza terá voo direto para Madrid a partir de setembro

A Air Europa, que já faz alguns voos entre o velho continente e o Brasil, vai inaugurar mais uma rota em breve. Será o trecho Madri-Fortaleza, que terá início a partir de setembro próximo.

O governo do Ceará deu apoio a essa nova operação internacional que chega atraída não só pelos incentivos fiscais e mercado, mas, também pelo hub em implantação no Aeroporto Internacional Pinto Martins, com a chegada da alemã Fraport como gestora do terminal.

(Foto – Divulgação)

Blog do Eliomar

sexta-feira, 22 de junho de 2018

JUAZEIRO DO NORTE: Setur promove receptivo junino para visitantes do município

A Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte, através da Secretaria de Turismo e Romaria (Setur), promoverá, entre os dias 22 e 24 de junho, receptivo junino no Aeroporto Orlando Bezerra de Menezes. A ação, oferecerá aos visitantes apresentação cultural de sanfoneiro, tocando forró pé-de-serra, mala-door na esteira, com saudação para os visitantes e degustação de Cajuína São Geraldo.

O Receptivo Junino, acontece pelo segundo ano consecutivo, tendo por objetivo promover o clima acolhedor e festivo, aos visitantes da terra do Padre Cícero. Na sexta-feira, 22, o receptivo será realizado às 14h e 18h, no sábado, 23, será às 10h e 14h, no domingo às 10h, 14h e 18h.

Fotos: Samuel Macedo

JUAZEIRO DO NORTE: Prefeito Arnon Bezerra entrega 50 casas neste sábado, no bairro Pedrinhas

A Prefeitura Municipal de Juazeiro Norte, através da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), convida a população para entrega das 50 unidades habitacionais das famílias do bairro Pedrinhas/Vila Nova, beneficiadas com o Programa de Urbanização Regularização e Integração de Assentamentos Precários as Margens do Riacho das Timbaúbas.

O Programa prevê em suas ações o reassentamento de famílias de áreas de risco, regularização fundiária em espaços urbanos legais e ainda a urbanização das áreas que podem oferecer risco à população.

CRATO: AMIGOS DO BEM transmite amor, fraternidade e solidariedade à famílias carentes

Solidariedade. Essa palavra a cada dia está ausente da sociedade. A cada momento que passa uma grande parcela da população se torna mais individualista, arrogante e menos preocupada com a coletividade.

Em Crato, um grupo de amigos se uniram e formaram o projeto AMIGOS DO BEM. Um projeto que toda semana ajuda várias famílias através de doações de alimentos e orações nas residências. Os mentores desse projeto são eles: Agt. Sales ( DEMUTRAN ), o radialista Luciano Albuquerque e Claudinei Pereira.

Para que esse projeto continue, o grupo conta com a ajuda da população cratense e principalmente dos comerciantes locais com a doação de alimentos não perecíveis para que o projeto tenha continuidade.

Se você quer ajudar os AMIGOS DO BEM, entre em contato com o Agt. Sales através do telefone: (88) 9 - 9295-0672 ou através do (88) 9 - 9218 - 4272, falar com Luciano Albuquerque.

PESQUISA: LULA É O MAIS PREPARADO PARA ACELERAR CRESCIMENTO ECONÔMICO DIZ PESQUISA

O ex-presidente Lula é o pré-candidato ao Planalto mais preparado para acelerar o crescimento da economia do país, avalia o eleitor brasileiro. Segundo pesquisa Datafolha, 32% dos entrevistados citaram o petista como o melhor nome para desempenhar essa missão.

O resultado da pesquisa é bastante similar ao quadro geral de intenção de voto do eleitor, com o ex-presidente sendo seguido pelo deputado Jair Bolsonaro (PSL), com 15%, e Marina Silva (Rede), 8%.

Lula encerrou seu segundo mandato na Presidência, em 2010, com alta aprovação popular e uma taxa de crescimento do PIB de 7,6%, o maior índice desde 1985. Mas o PT depois levaria o país, no governo de Dilma Rousseff, a uma de suas mais graves recessões.

De 2014 a 2016, a produção e a renda do país encolheram 8,2%. Neste ano, o mercado estima um crescimento em torno de 1,7%.

Para reverter esse quadro de estagnação, Lula é o favorito de eleitores de todas as faixas etárias e regiões do país. No Nordeste, onde tradicionalmente tem maior aprovação, o petista é visto como o melhor remédio para a economia por 51% dos entrevistados, contra apenas 8% do segundo colocado, Bolsonaro.

A vantagem do ex-presidente, porém, diminui conforme aumentam a escolaridade e a renda dos eleitores.

No grupo que possui apenas o ensino fundamental, ele atinge 37%, contra 9% de Bolsonaro. Entre os entrevistados com nível de ensino superior, ambos estão empatados, com 20%.

Do mesmo modo, Lula chega a 40%, versus 11% de Bolsonaro, no grupo com renda mensal de até dois salários mínimos. Entre os mais ricos, com mais de dez salários, o petista cai para terceiro (14%), atrás de Bolsonaro (22%) e do tucano Geraldo Alckmin (17%).

Nesse grupo, o ex-presidente fica tecnicamente empatado com Henrique Meirelles (MDB), -citado por 12%-, ex-ministro da Fazenda (governo Temer) e ex-presidente do Banco Central (gestão Lula).

Preso desde 7 de abril, Lula ainda lidera a lista de intenção de voto para o Planalto quando seu nome é incluído entre os pré-candidatos. É o preferido de 30% dos entrevistados. Condenado por corrupção e lavagem de dinheiro, o petista é inelegível, de acordo com a Lei da Ficha Limpa.

Segundo o Datafolha, a maioria da população acredita que o ex-presidente não será candidato, mas o número registrou queda na última pesquisa. Passou de 62% em abril para 55% no início de junho.

Já os que avaliam que ele participará da disputa passaram de 34% para 40%.

A percepção de que o ex-presidente não concorrerá às eleições, no entanto, não significa que os entrevistados acreditem que ele não deveria ser candidato. Nesse caso, constata-se um empate. Para 48%, Lula deveria ser impedido de concorrer, enquanto 49% são contra vetá-lo.

Quaisquer que sejam os candidatos, o eleitor acredita que saúde (41%) e educação (20%) deveriam ser a prioridade do próximo presidente.

A saúde também aparece, ao lado da corrupção, no topo da lista dos principais problemas do país. Foram mencionadas por 18% dos brasileiros. Em seguida foram citados o desemprego (14%) e a violência (9%).

Reprovado por 82% dos entrevistados, o governo de Michel Temer (MDB) registrou queda em sua nota média. O número chegou agora a 1,9, com a maioria (53%) atribuindo nota 0 ao presidente.

Em abril, a média era levemente melhor: 2,7, sendo que 41% deram nota zero.

*Com informações da Folhapress

PESQUISA: LULA É O MAIS PREPARADO PARA ACELERAR CRESCIMENTO ECONÔMICO DIZ PESQUISA

O ex-presidente Lula é o pré-candidato ao Planalto mais preparado para acelerar o crescimento da economia do país, avalia o eleitor brasileiro. Segundo pesquisa Datafolha, 32% dos entrevistados citaram o petista como o melhor nome para desempenhar essa missão.

O resultado da pesquisa é bastante similar ao quadro geral de intenção de voto do eleitor, com o ex-presidente sendo seguido pelo deputado Jair Bolsonaro (PSL), com 15%, e Marina Silva (Rede), 8%.

Lula encerrou seu segundo mandato na Presidência, em 2010, com alta aprovação popular e uma taxa de crescimento do PIB de 7,6%, o maior índice desde 1985. Mas o PT depois levaria o país, no governo de Dilma Rousseff, a uma de suas mais graves recessões.

De 2014 a 2016, a produção e a renda do país encolheram 8,2%. Neste ano, o mercado estima um crescimento em torno de 1,7%.

Para reverter esse quadro de estagnação, Lula é o favorito de eleitores de todas as faixas etárias e regiões do país. No Nordeste, onde tradicionalmente tem maior aprovação, o petista é visto como o melhor remédio para a economia por 51% dos entrevistados, contra apenas 8% do segundo colocado, Bolsonaro.

A vantagem do ex-presidente, porém, diminui conforme aumentam a escolaridade e a renda dos eleitores.

No grupo que possui apenas o ensino fundamental, ele atinge 37%, contra 9% de Bolsonaro. Entre os entrevistados com nível de ensino superior, ambos estão empatados, com 20%.

Do mesmo modo, Lula chega a 40%, versus 11% de Bolsonaro, no grupo com renda mensal de até dois salários mínimos. Entre os mais ricos, com mais de dez salários, o petista cai para terceiro (14%), atrás de Bolsonaro (22%) e do tucano Geraldo Alckmin (17%).

Nesse grupo, o ex-presidente fica tecnicamente empatado com Henrique Meirelles (MDB), -citado por 12%-, ex-ministro da Fazenda (governo Temer) e ex-presidente do Banco Central (gestão Lula).

Preso desde 7 de abril, Lula ainda lidera a lista de intenção de voto para o Planalto quando seu nome é incluído entre os pré-candidatos. É o preferido de 30% dos entrevistados. Condenado por corrupção e lavagem de dinheiro, o petista é inelegível, de acordo com a Lei da Ficha Limpa.

Segundo o Datafolha, a maioria da população acredita que o ex-presidente não será candidato, mas o número registrou queda na última pesquisa. Passou de 62% em abril para 55% no início de junho.

Já os que avaliam que ele participará da disputa passaram de 34% para 40%.

A percepção de que o ex-presidente não concorrerá às eleições, no entanto, não significa que os entrevistados acreditem que ele não deveria ser candidato. Nesse caso, constata-se um empate. Para 48%, Lula deveria ser impedido de concorrer, enquanto 49% são contra vetá-lo.

Quaisquer que sejam os candidatos, o eleitor acredita que saúde (41%) e educação (20%) deveriam ser a prioridade do próximo presidente.

A saúde também aparece, ao lado da corrupção, no topo da lista dos principais problemas do país. Foram mencionadas por 18% dos brasileiros. Em seguida foram citados o desemprego (14%) e a violência (9%).

Reprovado por 82% dos entrevistados, o governo de Michel Temer (MDB) registrou queda em sua nota média. O número chegou agora a 1,9, com a maioria (53%) atribuindo nota 0 ao presidente.

Em abril, a média era levemente melhor: 2,7, sendo que 41% deram nota zero.

*Com informações da Folhapress

CRATO: População do bairro Seminário sofre com a falta de água

Sofrimento sem fim. É assim que a população do bairro Seminário está se colocando nesses últimos três dias.

Falta água nas torneiras dos moradores daquela comunidade. No dia de ontem, quando era comemorado o dia do município, os moradores da travessa Aurora, Rua Manoel Macêdo e adjacências protestavam nas ruas do bairro devido essa triste situação. Na oportunidade, os moradores lembraram dos aumentos sucessivos da SAAEC - Sociedade Anônima de Água e Esgoto do município do Crato que não corresponde aos anseios da população.

Os moradores aguardam uma posição por parte da empresa que vem realizando um trabalho de aumento de tributos, mas infelizmente não tem prestado o serviço adequado para algumas comunidades do município do Crato.

NOTA DO EDITOR:

A SAAEC precisa URGENTEMENTE corresponder aos anseios da população cratense, uma vez que, conseguiu amplos poderes para aumentar a conta de água do cidadão  sem precisar de muito esforço. Antes, quando se falava em aumento por parte da empresa todo o processo passava pela câmara municipal,  mas depois de um projeto de lei enviado pelo poder público municipal ao poder legislativo foi votado e assim tirou esse poder dos legisladores de permitir ou não os aumentos dados pela empresa.

É preciso corresponder às expectativas da população e deixar mais de lado justificativas "decoradas" fingindo assim que está tudo dentro do percurso normal.

ESTAMOS DE OLHO!